sábado, 20 de novembro de 2010

Aprendendo a ser auxiliadora


Conversando tanto sobre carros e tudo mais ultimamente. Eu e o Herbert lembramos de mais uma de nossas histórias, mas da época de namoro.

Quando o Herbert comprou a moto, pagamos um super mico. SUUUPER!

Ele foi abastecer a primeira vez e queria encher o tanque. Lá fomos nós ao posto de gasolina.

Chegando lá eu me dei conta de perguntar, mas Herbert quanto você tem? Falando do dinheiro mesmo, porque eu pensei, vai que ele enche o tanque e a gente não tem dinheiro pra pagar depois. No posto de gasolina não tem como lavar pratos huahua.

Ele disse: "Tenho R$ 80". Eu, tentando ser a auxiliadora sem muita experiência: "Mas será que não vai faltar dinheiro, é melhor vc falar pro frentista, coloca R$ 80."

Dito e feito o frentista chegou e o Herbert falou: "Coloca R$ 80". Mas foi na hora, sem vergonha de ser feliz que o frentista gritou para um outro que estava abastecendo um carro: "Ó, o rapaz aqui quer que eu coloque R$ 80 de gasolina na moto dele!!!"

Nós dois em cima da moto rindo que se acabava, a gente não tinha nenhuma ideia de quanto de gasolina ia no tanque da moto. Aí o Herbert disse, então você completa pra mim, ele completou e deu R$ 30.

Óbvio que já estávamos envergonhados... e rindo de chorar.

Ainda quando nos despedimos do frentista ele disse: "Se quiser me dar os R$ 50 que sobrou eu aceito!"

Ai ai... Só a gente mesmo!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...