sexta-feira, 30 de julho de 2010

Chove chuva


É incrível!!! Na nossa última e única semana de férias eu e meu amado resolvemos ir até o mercado depois do serviço dele.


Como uma esposa vaidosa, pensei: - Tomo um banho e vou cheirosinha!!!

Depois da preparação para encontrá-lo... rumo ao mercado.

Chegando lá nós dois animadíssimos e ele com muita fome (a pior coisa que se pode acontecer quando se vai ao mercado), compramos de tudo para um lindo jantar romântico e muito mais coisas do que realmente era necessário. Isso significa: muitas sacolas para serem carregadas "na unha". Afinal estávamos de ônibus.

Enfim, tiramos o pé para fora do mercado e vimos que o chão estava molhado, mas... aparentemente não iria mais chover. Demos 5 passos e PINGOS. O Herbert com mil sacolas em punho e eu com as outras mil perguntou: - Quer que eu pegue o guarda-chuva? E eu, como não sou de manteiga disse: - Não precisa, daqui ao terminal é 2 minutos!

Demos mais 2 passos e ... TCHÁBUUmMmMMM. Chuva que Deus mandava! Muita chuva! Pra atravessar a rua pra ir pro terminar eu não enxergava nada por causa dos óculos ensopados (ainda não inventaram pára-brisa de óculos).


Pisamos dentro do terminal, e a chuva parou. Parecia até que não tinha chovido, porque o calor evaparou todas as pocinhas de água.


Andamos o terminal até o nosso ponto constrangidos e rindo porque afinal, além das sacolas que carregávamos o peso da roupa ensopada não nos permitia chegar muito perto dos outros passageiros e nem eles queriam chegar muito perto de nós. E todos nos olhando com aquela cara de: - Choveu?

Choveu, em uma única nuvem que estava sobre a minha cabeça e a do Herbert.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...